Damião Ramos Cavalcanti

Enquanto poeta morrer, a poesia haverá de viver

Textos



                   Cine Bangüê do Espaço Cultural

          Quando presidente da Funesc (1998 a 2002), superando dificuldades, nunca se deixou uma quarta-feira sem filme no Cine Bangüê, no que era "habitué" o amigo Lindbergh Farias. Além disso, promoviam-se outras realizações cinematográficas: Gravações, projeções especiais e riquíssimos festivais, como os do cinema italiano, francês, indiano, chinês, iraniano e brasileiro, do que testemunhe o Diretor Heleno. O Bangüê muito solicitado, fazia-se o preceito de reservá-lo a essas exibições, disponibilizando-o ao cinema, tudo porque  a Sétima Arte se consagra completa: Movimenta-se e, sem ser muda, fala e canta...
          Hoje, o dito auditório ficou destinado a essas outras solicitações e às apresentações da Orquestra Sinfônica. Na reconstrução do Espaço Cultural José Lins do Rego, o Cine Bangüê ganhou novo e privilegiado espaço, construído com  requintes de uma ótima sala de projeção. Como membro da Academia Paraibana de Cinema, relevo a valorização desse grande feito, para que , no Bangüê, a APC  aproveite essas circunstâncias para cumprir suas finalidades...
          O Cine Bangüê, ora entregue à população, é, sem demérito  a outras  jóias, o coroamento da grande reforma pela qual passou O Espaço Cultural José Lins do Rego, também sede da FUNESC, ora abrigando a Secretaria da Cultura. Talvez somos acostumados com a grandeza desse prodigioso monumento erigido pelo confrade na APL, Tarcísio Burity, contando com ajuda de outro confrade, Osvaldo Trigueiro do Valle, e, no planejamento do funcionamento do Espaço, do companheiro de UFPB, Professor José Augusto Peres. Cabe-nos "fazer justiça" ao que o Gov. Ricardo vem realizando na topotesia do mundo cultural. Depois de conhecer, dentro e fora do país, inúmeros espaços congêneres, repito o que discursava quando Presidente da Funesc: O Espaço Cultural é patrimônio inalienável da Paraíba e templo maior da nossa cultura...  


 
Damião Ramos Cavalcanti
Enviado por Damião Ramos Cavalcanti em 21/02/2016
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Damião Ramos Cavalcanti). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras
http://www.drc.recantodasletras.com.br/index.php