Damião Ramos Cavalcanti

Enquanto poeta morrer, a poesia haverá de viver

Textos
Título Categoria Data Leituras
ADEUS, COLOMBINA; ADEUS, PIERRÔ Crônicas 21/02/17 132
A cultura da fila Crônicas 15/02/17 257
As máquinas querem nos substituir Crônicas 09/02/17 126
Interrupção dos momentos felizes Crônicas 03/02/17 146
ZAVASCKI, O TEORI Crônicas 25/01/17 202
GAIOLAS E PRISÕES Crônicas 19/01/17 171
Morre João Bosco, da casa dos Fernandes Crônicas 12/01/17 228
Amália, 108 anos de lucidez Crônicas 06/01/17 399
TEMPUS FUGIT? Crônicas 29/12/16 207
NATAL SEM VINHO Crônicas 22/12/16 252
Corrução na corrupção Crônicas 16/12/16 113
ESTRANHA MULTIDÃO Poesias › Desilusão 14/12/16 38
UM EPITÁFIO PARA O NOSSO PAÍS Crônicas 08/12/16 117
Vejo cédulas no ar Crônicas 02/12/16 125
O Centro de Formação Elisa Mineiros Crônicas 25/11/16 189
Morrendo com as notícias Crônicas 18/11/16 138
Trump, ser ou não ser político Crônicas 11/11/16 96
O CAVALO AO SEU DONO Crônicas 04/11/16 142
A FCJA exibe Chaplin Crônicas 29/10/16 68
Coincidências, apenas circunstanciais Crônicas 21/10/16 139
Página 10 de 37 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 » [«anterior] [próxima»]
Site do Escritor criado por Recanto das Letras
http://www.drc.recantodasletras.com.br/index.php