Damião Ramos Cavalcanti

Enquanto poeta morrer, a poesia haverá de viver

Textos
Título Categoria Data Leituras
Dom Pelé chuta com os dois pés Crônicas 15/12/11 364
O "talvez" que significa "não" Crônicas 19/09/14 355
Simplesmente "bom-dia" ! Crônicas 05/07/12 354
SAPATOS AMARELOS Poesias > Amor 03/01/10 321
As vírgulas mudam tudo Crônicas 23/02/12 320
Bom Uso da Palavra Crônicas 19/07/12 297
O valor da imaginação Crônicas 05/07/13 292
Ronaldo Nunes Mendonça Crônicas 28/07/17 290
Virtudes nas parábolas, vícios nas fábulas Crônicas 01/04/16 279
SAUDADE DE MIM MESMO Poesias > Saudade 11/01/10 276
O que nos falta do golfinho Crônicas 30/03/12 272
AMORES DA ANGOLA Poesias > Amor 27/01/12 271
A Sigla Crônicas 27/12/09 271
Coisas íntimas, coisas públicas Crônicas 08/11/17 261
IDAS E VINDAS Poesias > Alegria/Felicidade 07/04/12 261
Cristovam Tadeu no Dia da Criação Crônicas 11/04/17 260
Dom José beija nossa terra Crônicas 29/08/17 258
Pátria estuprada Crônicas 19/10/17 255
Égua russa no Trapiá dos Severos Crônicas 21/02/18 250
NATAL SEM VINHO Crônicas 22/12/16 250
Página 2 de 33 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 » [«anterior] [próxima»]
Site do Escritor criado por Recanto das Letras
http://www.drc.recantodasletras.com.br/index.php